domingo, 6 de abril de 2008

Insónias


A dor trilha um qualquer caminho dentro desta alma infame que ama demais. E eu aproximo-me da janela e olho a noite. Quem me dera que o meu coração tivesse esta calma tardia que restou no final de tudo. Porque a noite é o que resta de um dia que já foi e já não é... e a dor é a noite que me resta após o fim de tudo o que foram os meus dias.
O sofrimento entranha-se nos meus sonhos e não me deixa dormir! É uma eterna insónia na qual apenas a memória de um amor entra pela porta e vem de mansinho abraçar-me.
E eu estou profundamente sozinha olhando a noite nesta insónia em que não dormir é o que menos custa.
Quantos fantasmas existem para lá desta janela? Onde estás tu, meu amor?
Eu não sei! Não sei se esta dor que caminha pela minha alma e me invade os sonhos algum dia irá embora, deixando-me finalmente entregue ao vazio.
Eu não sei... mas já não importa!

Marina Ferraz
*Imagem retirada da Internet

8 comentários:

PC disse...

LINDO*

Raquel disse...

Que dizer de um texto escrito pela minha autora preferida? Pois não sei... SIMPLESMENTE LINDO!
Tenho pena que haja tanta dor dentro desse coraçãozinho de ouro, que a unica coisa que merece é ser feliz...

Bjs

Anónimo disse...

palvraS para que? esta muito bOm como sempRe.. Tens é de te animaR miUda asSim naO se vive..
bjinhO

Zezito disse...

A menina deve pensar de mim muito mal, por não comentar o blog. No entanto eu venho le-lo, e apreciar para ver qual o texto melhor do que aquele que ainda hoje voltei a republicar no meu.

Horizonte das pedras da calçada.

único

Eu gosto!

E gosto de ti
E gosto da Marina
E gosto do nosso filho:p
E gosto de ler o que escreves, mas de forma calma:P

Silvéria disse...

Ai ai... uma menina tão querida não merece andar assim não!!

Caloirinha, toca a animar!!!

Anónimo disse...

Espero que depois das novidades do outro dia estas palavras sejam um pouco menos verdadeiras...
quando volto a ler um texto que mostra que tu tas feliz? ja tenho saudades...espero qu eseja em breve!
bjinho
Mana

Ana Pinto disse...

Adoro o texto! Ta lindo e tao bem escrito como so tu sabes escrever ^^
Mas nao gosto de te "ver" assim tistinha :(
Tens de lutar contra essas "insonias" es mais forte que tudo isso ;)

Beijinho

Sandra disse...

Lindo, lindo, lindo... Triste, mas LINDO!!

Mas também, o que se podia esperar do nosso talento, da nossa escritora fantástica??

GMDT!!

Bjs. Mágicos ***