quinta-feira, 8 de maio de 2008

Cá dentro...


Para ti, Kelinha, por me teres conseguido provar que nem tudo na vida é triste!

Naquele mundo que habito, o da tristeza constante que me arrasta para o precipício e nele me condena, existem nuances de felicidade que jamais passam disso mesmo: nuances!
Sinto-me sozinha na maior das multidões, sinto-me triste no melhor dos dias e as coisas nunca são diferentes.
Cá dentro costuma morar a maior das dores: a dor de quem sofre por amor,a dor de quem, no meio do mais infernal dos vazios, já não encontra uma alma onde se refugiar.
Mas hoje, cá dentro, mora outra coisa, sabias? Mora o orgulho! Tenho tanto orgulho em ti!!!
Sabes? O amor tem muitas formas... talvez eu não seja bem sucedida em todas elas mas sei que neste amor, o amor de amiga, o amor de afilhada, neste amor sei que o sou e sei-o porque me mostraste que estás comigo onde eu estou, que vais comigo aonde eu vou, que queres verdadeiramente saber.
Eu acredito em tudo o que esta noite gritei! És, sem dúvida, a melhor madrinha do mundo e este texto fala dos sentimentos mais bonitos que podem existir dentro do peito de uma menina que vive num mundo de sombras.
Obrigada por tudo! Obrigada por me mostrares que eu tinha toda a razão, obrigada por confirmares as minhas decisões e por me mostrares que posso sentir, ainda que apenas por momentos, algo que não é nem mau nem vazio mas, pura e simplesmente, especial.
Obrigada por, neste momento no qual eu não sinto que as coisas possam melhorar, me mostrares que ainda há coisas que valem a pena.
Obrigada, acima de tudo, madrinha, por valeres a pena!
Gosto-te muito! Longe ou perto, o que sei é que estás e estarás eternamente cá dentro, dentro da minha alma que afinal ainda existe e dentro deste coração onde terás sempre lugar!

Marina Ferraz
*Imagem retirada da Internet

2 comentários:

Kel disse...

não é justo, puseste-me de lágrimas nos olhos...
nao tens que agradecer nada linda, eu é que agradeço por teres-me escolhido e por me ajudares a ser feliz mesmo quando estás mal!
Também tenho um orgulho enorme em ti e ontem aumentou ainda mais! Muito obrigada por ontem e pelas coisas que disseste, fizeram o meu coraçao sorrir verdadeiramente!

ADORO-TE SEMPRE E PARA SEMPRE (eu sei que te roubei a deixa :P lol)

Mi Lôra disse...

lindo texto...