terça-feira, 7 de fevereiro de 2006

Desistir

Estou cansada demais para continuar a agir como sempre agi. Nada corre como eu quero, nada é o que eu queria que fosse.
Não consigo fazer as coisas que gosto porque algo se pôs entre mim e a felicidade. Agora que não sei o que tem sentido vou desistir.
Não mais nada a dizer. Nada novo para descobrir. Nada de nada...
Acho que estou a morrer por dentro...


Marina Ferraz

4 comentários:

Sorrow Avalon disse...

nunka desistas pois vais ter sempre aki alguem pa ti
nao desesperes pois ainda há kem goste de ti
não chore pk ainda há kem te consiga fazer sorrir e acima de tudo nao fikes triste pois eu n te kero ver assim

bjxxxx
GMDT
*****

Anónimo disse...

I quit too!

Açúcar

Anónimo disse...

Não desistas. Lembra-te que ainda tens alguém que te apoia e estará sempre do teu lado; alguém que ainda gosta de ti e te quer ver feliz.


CoolKiller

catarina disse...

tardes n d.manuela! oié!!!

Bjs miuda!!!