terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Quero-te



Quero-te. Quero-te numa dimensão do verbo querer que ainda não foi escrita. Numa dimensão de necessidade por explorar, por saber, por pensar. A forma como te quero é uma equação sem resultado. Uma teoria nunca dita. Uma estrela ainda por nascer nos confins do Universo, ainda por descobrir.
Quero-te. Quero-te bem. Quero que o teu "bem" seja melhor. Que supere a mortalidade. Que supere todas as divindades do mundo. Quero-te feliz como nunca ninguém foi. Quero-te a sorrir como dizem ser proibido. Quero-te. Quero-te na dimensão indefinida do que não é explicável nem certo nem coerente.
Quero-te. Quero-te de uma forma tão louca que supera a loucura. De uma forma tão sã que supera a sanidade. De uma forma tão completa que supera o insuperável.
Quero-te à distância de um beijo. Quero-te nos confins da Terra. Quero-te no centro do Mundo. Quero-te onde quiseres estar ou onde não quiseres, caso o destino manobre as tuas rotas para te fazer chegar aonde sei que podes ir.
Quero-te. Quero-te na miséria da felicidade que só têm os loucos. Quero-te na fortuna do sucesso que só têm os bons. Quero-te com tudo aquilo de que precisas para que nunca, jamais, tenhas de abdicar de nada que ames.
Quero-te, mas entende: não para mim. Quero-te para o Mundo, quero-te para a felicidade, quero-te para o que há de maior e melhor no universo.
Quero-te como se quer a magia. Como se quer o horizonte ou a utopia alada de uma vida eterna. Quero-te.
Não espero que entendas. Não espero que ninguém entenda. Não espero sequer entender um dia. Tudo o que sei é que te quero. Que te quero com um sorriso que não esmoreça, com um olhar que brilhe, com uma felicidade que ninguém possa roubar e que nenhum contratempo esbata.

Marina Ferraz
* Imagem retirada da Internet

8 comentários:

Anónimo disse...

Lindoooo!!!
Para mim, fiquei sem explicação...
Continuaaa...
Bjs, Paty ;)

Caio Midlej disse...

Nossa, sensacional !
Muito bonito... parabéns !!

Jennyfer Aguillar disse...

Perfeito Ma,como sempre querida amiga,as palavras cheia de magia e encantadoramente incríveis.
Adorei principalmente a parte "...Uma teoria nunca dita. Uma estrela ainda por nascer nos confins do Universo, ainda por descobrir..."
Parabéns minha linda.
Beijinhos Jenny ♥

Tânia disse...

Consegues realmente transformar as palavras em magia... às vezes, leio um dos teus textos à primeira (como foi o caso deste) e penso que não é dos melhores, mas depois releio uma segunda ou terceira vez e encontro uma beleza nas palavras inexplicável que muito raramente encontro noutros escritores. Não sei como consegues, mas tens realmente um dom e invejo-te!

BRANCA disse...

São tão profundas as palavras desenhadas em tão tocante poema que faz nos entrar direto em sintonia enebriante deste amor tão lindo que estampas....

Gloria Almeida disse...

A mais perfeita descrição do querer a quem realmente se ama <3

Joice Cardoso disse...

Quero-te sempre escrevendo coisas tão tocantes as nossas almas Parabéns... "Quero-te numa dimensão do verbo querer que ainda não foi escrita" O verso que mais gostei <3

Eduardo Marley disse...

Quando a escrita nos sai do coração vivemos uma entusiasmante aventura!!! dou-te os meus parabéns pelo bonito texto aqui partilhado!!!
continua quero ler mais!!!

kiss Eduardo Marley