terça-feira, 30 de abril de 2013

A sete chaves




Guarda o meu coração a sete chaves. Ele está quebrado e já não serve para nada mas ainda é um coração. Guarda-o bem, onde não possam usá-lo e torturá-lo mais. Nunca te pedi nada em troca do meu amor. Mas peço-te hoje isto: fecha o meu coração a sete chaves no canto mais poeirento do lugar mais inóspito de ti.
O meu coração já não vale os batimentos. Já não vale as tentativas de reparo. O meu coração está irremediavelmente estragado. Mas, mesmo quebrado e sem valor, o meu coração ainda é um coração e, independentemente do número de cacos em que se divida, o meu coração ainda é teu.
Guarda-o a sete chaves. Não o carregues por aí, nas mãos, à vista de todos. Mesmo sem verem, eles sabem. Eles sabem que eu desisti e sabem que cada sorriso que me aflora o rosto é uma lágrima caída nas profundezas da minha alma. Já não há nada que eu possa fazer para provar a mentira de que estou bem. Mas tu podes guardar os pedaços do meu coração a sete chaves e vender, por aí, a notícia de que já não os tens.
Fechado nos confins do segredo, o meu coração estará quebrado mas seguro. E dirão por aí, já não que estou a sofrer mas que não tenho coração. E está tudo bem. Talvez não tenha. Talvez seja melhor fingir que os cacos do coração que eu tive viraram poeira e se arrastaram pelos ventos até outro lugar que não o teu.
Guarda o meu coração a sete chaves. Mesmo que, olhando para ele, não vejas o reflexo do que um dia ele foi. Mesmo que, segurando-o, não lhe notes a alegria de viver em ti. Guarda-o a sete chaves e não tentes curá-lo com regressos temporários e palavras doces. Guarda-o simplesmente. Fechado onde ninguém veja as suas feridas. Enterrado onde não te pese nem te fira. Onde te esqueças dele e não sintas dó de mim.
Depois de tudo ficam só estes pedidos, gritados na mudez de um pensamento: Guarda o meu coração a sete chaves e sê feliz como ele não pode ser.

Marina Ferraz

*Imagem retirada da Internet

7 comentários:

Tânia disse...

Lindo :)

Anónimo disse...

Exatamente, não tenho corção. Eu o dei.... Lindo texto#
L.P

Jennyfer Aguillar disse...

Texto incrível,é lindo,gostei bastante da parte "Guarda o meu coração a sete chaves. Mesmo que, olhando para ele, não vejas o reflexo do que um dia ele foi. Mesmo que, segurando-o, não lhe notes a alegria de viver em ti." Maravilhoso e eu amei,amei mesmo ♥
Beijinhos Jenny

Anónimo disse...

Lindo texto.
Amei!!
M.C*

Maria Vitoria disse...

perfeitoo

Fernando Dytz disse...

Simplesmente maravilhoso Marina. Que Deus conserve este teu Dom de escrever. Nós os Poetas e escritores sabemos o quão difícil é criar. Deus te abençoe querida amiga.

MIDTCLA disse...

querida...mais uma vez o texto me faz chorar como muitos outros teus... e indiscutivelmente lindo faz nos viver e se ebriagar nas traduções espostas.... parabens